link_home
TvZero
A PARAÍBA NA MODA

Irmãs cegas que viraram filme agora estréiam catálogo de grife

De Campina Grande para o cinema e depois para as passarelas do mundo fashion. Foi este o trajeto das irmãs cegas cantoras, Maria, Regina e Francisca da Conceição Barbosa. O trio que toca ganzá e canta nas feiras da Paraíba – foi descoberto no documentário A pessoa é para o que nasce – agora foi parar no catálogo de verão da grife Cavalera.

Depois de ser tema do filme de Roberto Berliner e aparecer na novela América – aparecendo no programa de Dudu Braga -, as irmãs ficaram famosas no país inteiro e todos estão tirando uma casquinha. Elas agora são cult.

“A Cavalera quer que o Brasil conheça o Brasil. Não adianta o país estar na moda lá fora se a gente não se interessa pelo que é produzido aqui”, decreta Ricardo Gonzales, consultor de Marketing da marca, justificando a presença do trio e seu catálogo.

Em nome da grife, conhecida por colocar figuras polêmicas em suas campanhas – como a funkeira Tati Quebra Barraco e o roqueiro Serguei -, Ricardo convidou as irmãs para participar dos desfiles no São Paulo Fashion Week e no Oi Fashion Tour, em Belo Horizonte.

“A Cavalera quer que o Brasil conheça o Brasil diz consultor”

Em seguida as três foram chamadas para estrelar o catálogo de verão, onde posaram com os tops Marcelle Bittar e João Velluti. Eles foram clicados pelo badalado fotógrafo Murillo Meirelles nas regiões da Tapera e do Lagedo do Pai Mateus, sítio arqueológico com formações rochosas em granito, localizado no município de Cabaceiras, na Paraíba.

A grife escolheu como mote para a campanha “O Brasil não conhece o Brasil” e a partir daí investiu em figuras do sertão como ‘as viúvas da seca’, mulheres que ficaram sós depois que seus maridos foram para as cidades grandes em busca de melhores empregos. “No verão de 2006 a Paraíba está na moda”, anuncia Ricardo Gonzales. , 20 de Agosto de 2005